16 de fev de 2010

Arnaud Rodrigues morre em naufrágio no Tocantins

O comediante Antônio Arnaud Rodrigues, de 67 anos, morreu nesta terça-feira, vítima de um naufrágio no Tocantins. Conhecido por seus trabalhos com Chico Anysio, com quem formou o grupo musical "Baiano e os Novos Caetanos", o corpo do ator foi resgatado das águas do reservatório da Usina Hidrelétrica Luis Eduardo Magalhães, no Tocantins, no início da noite de terça-feira. Ele estava num barco que naufragou por volta das 17h30, a vinte quilômetros de Palmas, capital do estado. De acordo com o Copo de Bombeiros, tudo indica que o acidente ocorreu por causa das fortes chuvas que atingiam o local no momento em que o grupo passeava de barco, gerando fortes ondas, mas serão necessárias mais investigações para apontar a causa exata.

Arnaud Rodrigues era ator, cantor, compositor e comediante. Trabalhou nos programas de Chico Anysio na Rede Globo, no Programa "A Praça é Nossa" com Carlos Alberto de Nóbrega no SBT. Além disso, destacou-se em novelas, sobretudo com sua personagem "Soró", na novela "Pão, pão, queijo, queijo" de Walter Negrão. Junto com o ator estavam no barco mais nove pessoas, entre elas quatro crianças. Desse total, sete já haviam sido socorridas por chacareiros da região e passavam bem. A esposa e dois netos do ator estavam entre os sobreviventes, bem como um casal de amigos e seus dois filhos.