24 de ago de 2010

Poeta Grapiúna Cyro de Mattos é homenageado

Ao longo desses vinte anos, a escola Arco-Íris vem enriquecendo seu trabalho pedagógico com pinturas, músicas, poesias e outras produções de escritores e artistas regionais. Neste ano, como parte do Projeto Era Uma vez.... Itabuna 100 Anos de Emancipação, a Escola homenageou recentemente o poeta Cyro de Mattos com interpretação e releitura do seu poema O Menino e o Mar, que foi um dos vencedores do V Concurso Cancioneiro Poético Infanto-Juvenil para Autores de Língua Portuguesa, patrocinado pelo Instituto Piaget de Almada, em Portugal.

Além disso, a Escola Arco-Íris estampou o poema O Menino e o Mar em camisas que foram distribuídas aos pais de alunos e divulgou seu texto na rádio FM Sul, o qual foi acompanhado de fundo musical apropriado para o tema da poesia, durante o período de 3 a 12 de agosto. Como aconteceu com outras escolas de Itabuna, a Escola Arco-Íris já teve oportunidade de trabalhar em sala de aula o livro Palhaço Bom de Briga, de Cyro de Mattos, contando inclusive, no encerramento do trabalho, com a presença do autor, que concedeu autógrafos na obra aos pais e alunos daquele estabelecimento de ensino.
Ao enviar ofício ao poeta Cyro de Mattos, a diretora da Escola Arco-Íris, professora Suzana Oliveira Coelho, parabenizou a excelente produção do autor itabunense, salientando que “o resultado positivo desse Projeto deve-se, também, à beleza, à originalidade, à criatividade de seu grandioso trabalho literário encontrado nos diversos livros publicados e na internet”.

Segue abaixo o texto do poema que foi trabalhado neste ano pelos alunos da Escola Arco-Íris:

O Menino e o Mar

Era a primeira vez
Que tinha ido ver o mar.
Todo alegre, de calção,
Peito nu e pé no chão.

Quando viu tanta água
Fazendo barulho
Sem parar, disse:
- Pai, me dê sua mão.

Cyro de Mattos